Páginas

segunda-feira, 30 de março de 2009

Se eu fosse como você... Beto

blog_humberto_imagem2 Teria há muito feito das tristezas as mais tocantes poesias. Teria encarado de cabeça erguida e hombridade os anos afim que trabalhei como estagiário recebendo uma merreca e sendo tratado como um tolo.

Não teria vacilado na fé, pelo contrário estaria orgulhoso, ao ver meus amigos incrédulos prosperando e eu me refugiando em uma ONG cristã que fazia a missão em sua integridade. Na verdade nunca teria saído de lá. Serviria o Reino denunciando as injustiças em nosso país.

Ah... se eu fosse como você, Beto...

Estruturaria as idéias de tal maneira que qualquer um entenderia do que estou falando e os sentimentos que estão por traz das palavras.

Mas não sou.

Então acumulo por décadas toda essa trouxa de roupa suja para estendê-la no varal da net e esperar que alguns peregrinos simpatizantes gastem seu precioso tempo em tentar decifrar essa loucura.

2 comentários:

Rubinho Osório disse...

Quem é o Beto?!? Quero conhecer o cara!!!! Dá a dica!

Humberto Ramos disse...

Meu caro Roger, não preciso dizer que você é um poço de generosidade em seus elogios. Constrangido, só posso te agradecer pelas doces palavras.

Continuarei acompanhando a série "Se eu fosse como você..."

Forte abraço, meu brother!