Páginas

terça-feira, 25 de maio de 2010

Abaixo assinado (1)

Eu0608[1] Deixei de ser "crente" no sentido de membro de organização eclesiástica, com suas estruturas e políticas, e adepto de um corpo doutrinário fixo, rígido, coerente.

De outro modo, continuo tão "crente" quanto era e até mais - espero - pois minha fé tem sido destilada, pouco a pouco, e percebo, o que tem "sobrado", com o tempo, é néctar de fino trato.

Não estou só. Além de minha querida família, tenho minha comunidade de "irmãos" com quem compartilho anseios e frustrações, ideias e pensamentos, planos e historia. Eles me dão, como nunca recebi antes em minha vida, matéria de primeira qualidade para testar e forjar minha vida neste mundo. Não os encontro somente aos domingos, senão que a qualquer hora posso te-los por perto. Só necessito um computador e uma conexão.

Eles são meus companheiros de blogosfera, cúmplices e parceiros nesta viagem pela vida onde nada é fixo, nem mesmo o alvo. E a transitoriedade da vida nos obriga a abrigar e dar abrigo, como grutenses, unidos pela frágil chama da esperança. São amigos que pouco vejo, alguns que nunca vi, espalhados por este mundão de Deus - Alemanha, EUA, Portugal, Paraiba, Minas, Paraná, Acre, Rio de Janeiro, São Paulo, Santa Catarina, etc.

Partilho com eles a fome e sede de justiça, de caridade, de generosidade, de ansiedade por um mundo um pouco melhor, um pouco mais humano, mais divino. E alguns nem partilham das mesmas crenças, mas estamos unidos pelo respeito e pelo impulso de não desistir, apesar dos pesares.
Esta sensação de "fazer parte de", de "estar com", de "unidade na diversidade" - e que diversidade! - é um bem imenso que eu preciso reconhecer aqui e agora.

Obrigado, meus amigos e amigas, por darem-se generosamente, por darem-me liberalmente o que de melhor vocês tem: sentimentos e ideais. Sou grato a Deus por vocês.

Extraído de: Porque a Internet me faz bem

-------------------------------------

Faço dessas as minhas palavras:

  1. Rogério Brandão Ferreira
  2. .
  3. .
  4. .
  5. .
  6. .
  7. .
  8. .
  9. .
  10. .

Leia também: Abaixo Assinado (2)

2 comentários:

Lou Mello disse...

Já disse ao Rubinho e repito aqui: I'm in!

Rubinho Osório disse...

Não assino!
O Brabo me disse pra não falar; se falar, não escrever; se escrever, não assinar; se assinar, azar o meu!!! Então, não assino!!!