Páginas

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Em louvor do Criador

- Corre aqui papai, olha que maravilha – o filho pré-adolescente apontava um canário chapinha que catava exuberantemente, no alto de uma laranjeira.
O pai parou sua leitura bíblica. Estavam em uma chácara de fim de semana.

- As aves do céu cantando em louvor ao Criador. Disse o pai abraçando o guri. Depois voltou para seu devocional.

O filho continuou atônito, observando o pássaro. Poucos galhos acima, na mesma laranjeira, pousou uma canarinha. O macho veio e deu-lhe uma bicada cheio de libido no cangote, e em frações de segundo deixou seu sêmem na cloaca da bixinha.

***

À noite voltando para casa, passam em frente a um baile Funk. O sinal fica vermelho. Ambos observam um rapaz dançando e cantando exótica e freneticamente na porta da boate. Logo chega uma garota num vestidinho nada descente e começa a se rossar no cara.

- Homens louvando seu Criador... Atesta despretenciosamente o menino para seu pai.

2 comentários:

Eduardo Medeiros disse...

que cena realmente existencial!

Rubinho Osório disse...

Ô seo depravado!!! hehehehe