Páginas

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

A Reforma é anti-bíblica (2)

Dietrich_Bonhoeffer

2) Menos fé – “a fé não costuma falhar” cantou Gilberto Gil, mas falha, principalmente se está baseada só na vontade humana, se está fora da palavra de Deus, ainda que para se justificar use de textos bíblicos. Milagres prometidos e não realizados têm frustrado pessoas e comunidades inteiras. Por questões de fé, ao longo da história, pessoas têm matado umas às outras. A “reforma” declarou que a salvação é só pela fé, assim ninguém precisa e nem pode comprar os céus, seja por meio de indulgências ou das obras. Mas há poucas décadas atrás, Bonhoeffer já nos advertia sobre os perigos de uma fé sem obras, baseada numa graça barata (bareteada). Advertência esta que se encontra de forma explícita em nosso livro sagrado. Mas deixemo-lo um pouco na prateleira e vamos agora praticar coerentemente aquilo que temos lido e aprendido lá, para que possamos de fato aprender a lição.

(continua…)

Leia também A Reforma é anti-bíblica (1)

2 comentários:

ALFJr. disse...

Caro colega, dialoguei com esse seu texto no meu blog. Fiz algumas considerações.

Grande abraço.

Roger disse...

Já estou indo lá para dar sequencia ao diálogo.

Roger